25 de julho - Dia do Escritor




Com cara amassada, vestida com a gandola marpatch do marido, mostro meu quartel general. Ele fica na sala, a um braço de distância de todos da família, além dos livros físicos que publiquei.⠀
.⠀
Está sendo uma jornada maravilhosa! Gratidão a todos os leitores, colegas de trabalho e amigos que tornam meu dia a dia especial. Aos meus pais e minha família, obrigada pelo apoio emocional!⠀
.⠀
Quando eu volto no tempo, relembrando aquela menina que fazia fanfic das amigas com os cantores favoritos, tudo o que vi e vivi, foi para me preparar para o que faço hoje. A TI me permitiu conhecer muitas profissões e pessoas, lidar com elas era tão desafiante quanto desenvolver um sistema. Valeu a pena!⠀
.⠀
Antes de mudar de cidade, de emprego e mergulhar no mundo dos livros (já foram mais mil livros, entre lidos e escritos), tive uma excelente professora. Ela me ensinou a redigir textos técnicos e qual seria a melhor forma de me expressar com clareza através das palavras. ⠀
.⠀
Eu não imaginava mudar de área tão drasticamente depois dos 30 anos, muito menos que todas as minhas experiências de vida se tornariam inspiração para meus livros. Ser escritora não era um sonho a ser alcançado, mas conquistado. Sinto que a oportunidade chegou quando me tornei merecedora dessa profissão grandiosa e, com maturidade, eu faço valer cada palavra escrita.⠀
.⠀
Amor, respeito e gratidão.⠀

Mari Sales

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Novidades